sábado, 26 de maio de 2018

Seu público não responde o seu e-mail? Entenda o por quê


Algumas pessoas são realmente rudes, mas isso não é desculpara para seus e-mails não estarem sendo respondidos. Não há desculpa para isso. Mas, a verdadeira razão, por que mais pessoas não estejam respondendo aos seus e-mails, é que você simplesmente não está se esforçando o suficiente. Com um pouco de esforço você pode fazer coisas muito, muito melhores. Veja algumas maneiras:

Pessoalidade nos e-mails

Não basta dizer “Olá” ou copiar todos em uma mensagem de Outlook. Se você não se preocupa com o destinatário, como quer que eles se preocupem com você? E pelo amor de Deus, verifique o seu trabalho. Não envie um e-mail endereçado “Caro Rafael” quando o nome verdadeiro é Pedro.

Cuidado com e-mails irrelevantes

Você deve segmentar seu banco de dados em vários bancos de dados e enviar vários e-mails a essas listas de pessoas onde a informação é relevante. Ter uma lista de 100 pessoas que estão interessadas em seus e-mails é muito, muito melhor do que ter uma lista de 1.000 pessoas, onde 900 pessoas não estão interessadas.

Linhas de assunto pouco atraentes

O que tem no e-mail? É direcionado ao leitor? Por que ele deveria perder 1 minuto lendo este conteúdo? Os leitores precisam de motivação! Dê a motivação que eles precisam para ler e responder o e-mail, começando pela linha de assunto.

Prolixidade

Ninguém gosta de receber e-mails não solicitados, especialmente se for uma promoção de vendas para um produto. Mas, se feito da maneira certa, um e-mail de vendas pode funcionar. Então aqui está a regra: Mantenha-o curto. Muito curto. Como cinco frases curtas. Uma introdução no início. Um apelo à ação no final. E três razões no meio sobre o porquê o seu produto ou serviço pode ajudar quem está lendo.

Quer saber mais dicas importantes para melhorar suas estratégias de e-mail marketing? Continue acompanhando o blog da Innova Comunicação e marketing

E então, gostou das dicas? Deixe um comentário.
Compartilhe:
Local: Brasil

0 comentários:

Postar um comentário