sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Empreendedorismo e inovação: O mercado em transformação





Empreender é uma tendência que veio para ficar, disso não temos dúvida. Startups costumam sair sempre à frente de empresas mais tradicionais. Em partes, por sua cultura mais maleável. Além disso, pela coragem de arriscar de quem está à frente delas.

O cenário das startups no Brasil evidencia duas realidades completamente distintas: o ambiente desfavorável para o empreendedorismo e um crescimento significativo do setor. A ABStartups (Associação Brasileira de Startups), que em 2012 reunia pouco mais de 2,5 mil associadas, hoje conta com mais de 4,2 mil empresas do tipo. No total, o Brasil tem mais de 10 mil startups, movimentando bilhões.

Os números ainda são tímidos se comparados com o cenário dos Estados Unidos e da Europa, mas o crescente volume de capital disponível para investimentos e o de profissionais qualificados dispostos a empreender, apontam na direção de um crescimento contínuo.

Blumenau e região é conhecido por ser um polo têxtil, mas esse cenário esta mudando, selecionamos quatro empresas que estão inovando, 

Confira:

A Vex (tecnologias que potencializam a experiência de consumo em pontos de venda), a Avi (tecnologias que identificam tendências de comportamento de um cliente dentro de uma loja) a Sances Live (uma espécie de GPS com informações em tempo real para gestores). Alexandria barbearia ( Barbearia e Bar).



Os investimentos em transformação digital, como Internet das Coisas, Big Data, Analytics, Inteligência Artificial e Segurança da Informação, para o período 2018 a 2021, são projetados em R$ 249,5 bilhões, com Internet das coisas liderando os aportes com R$ 169,7 bilhões, um impulso de 27%.

É o começo de uma grande revolução 

Inscreva-se em nosso blog e fique por dentro de nossas novidades

Estamos constantemente produzindo conteúdo que pode ajudar na sua jornada empreendedora!!
Compartilhe:
Continue Lendo →

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

7 razões para sua empresa começar a usar o coworking o quanto antes!


Se você está pensando em começar um negócio novo, é um profissional freelancer ou tem a sua própria startup, certamente já deve ter considerado a possibilidade de trabalhar em um coworking.

O escritório compartilhado tem se tornado uma tendência a partir das novas relações de trabalho, com opções diversificadas em várias cidades do país. Mas, será que optar por um coworking é mesmo uma boa ideia? Veja as 7 principais razões para que você comece a trabalhar em um escritório compartilhado hoje mesmo!

Reduz os custos

Com a crise política e econômica que o Brasil tem enfrentado, qual empreendedor não deseja reduzir os custos, sem perder qualidade? Pois é justamente isso que o espaço de coworking oferece.

Ter um escritório próprio é algo que pode se reverter em custos elevados com aluguel, manutenção, contratação de funcionários e muitas outras taxas. Trabalhar de casa nem sempre propicia um ambiente adequado, sem contar que fica muito difícil poder se reunir com clientes, por exemplo.

O ambiente de coworking é totalmente pensado e planejado para a vida profissional. Isso significa que, com um valor mensal bastante reduzido, você terá a sua disposição uma infraestrutura completa, com espaços para o trabalho, salas de reunião, ar condicionado, espaços de convivência, recepção e muito mais.

Amplia o networking

Outro problema de quem trabalha via home office ou até mesmo em um escritório próprio é a dificuldade em se conectar com outros profissionais (seja do mesmo ramo ou de outros) que podem ajudar com soluções, integrar seus times e até indicar potenciais clientes.

Em um ambiente de coworking, o contato entre profissionais é a premissa básica de funcionamento do espaço. Isso significa que você terá contato diário com inúmeros especialistas da sua área e de outras distintas, ajudando o seu negócio a conquistar ainda mais clientes.

Mas não é só. Essa interação também é ótima para melhorar a criatividade, promover insights importantes e até trocar experiências e aprendizados, que certamente irão agregar positivamente no seu negócio.

Mais produtividade

Se você depende exclusivamente do seu trabalho para ter uma renda no final do mês, ser mais produtivo é algo de extrema importância, não é mesmo?

Porém, trabalhando via home office, muitas pessoas apresentam dificuldades em manterem a concentração e o ritmo e isso acontece, justamente, porque esse ambiente não é propício ao trabalho, com interrupções frequentes, várias demandas familiares e outros que podem reduzir o seu nível de produtividade (e consequentemente o seu salário no fim do mês).

Até para quem tem um escritório próprio isso pode acontecer. Afinal, você terá que responder por várias outras demandas, como gestão dos funcionários, manutenção do prédio, pagamento de contas, entre outros, que podem tomar o seu tempo e reduzir o seu foco.

Em um ambiente de coworking tudo é pensado para que você apenas tenha de se preocupar com o seu trabalho, aumentando os seus níveis de produtividade. Diariamente quando chegar ao escritório, você encontrará tudo preparado para se dedicar ao seu serviço, com um local com ergonomia correta, iluminação adequada, sem distrações e nem preocupações diversas.

Melhora a imagem do seu negócio

Vamos ser sinceros, todo empreendedor sabe que o espaço onde o seu negócio está pode influenciar positiva ou negativamente na sua marca (e no quanto os seus clientes podem estar inclinados a fazer negócio com você).

Se você tem um escritório em um local não muito adequado, ou ainda se trabalha em casa, isso pode passar aos seus clientes e investidores uma imagem não muito séria e profissional, que pode atrapalhar o seu crescimento.

Em um escritório de coworking, você terá um endereço comercial para trabalhar. Além disso, geralmente, esses espaços ficam localizados em bairros importantes, com fácil acesso, e em prédios com uma arquitetura moderna e impactante – que ajuda a tornar o seu empreendimento ainda mais atrativo.

Quando você receber o seu cliente, terá a sua disposição uma infraestrutura completa, com salas de reunião, equipes de atendimento e recepção, espaço para coffee break e muitos outros itens que ajudam a passar uma imagem bastante positiva e confiável.

Ajuda a inovar

A expressão “gestão da inovação” nunca esteve tão em alta, afinal é por meio dela que as empresas conseguem reduzir custos, criar serviços diferenciados, melhorar seu atendimento, entre inúmeras outras vantagens.

Mas, para inovar é essencial entender bem o seu negócio e, claro, contar com uma dose extra de criatividade e de estímulo.

Em um ambiente de coworking, você estará o tempo todo em contato com profissionais variados, de áreas distintas, com histórias de sucesso e de fracasso e com uma visão de mercado bastante diferente da sua.

Essa troca de experiências e de conhecimento pode ser o propulsor que faltava para ajudar a impulsionar o seu negócio e melhorar a sua gestão da inovação, com ideias realmente criativas que diferenciem a sua empresa.

Conta com serviços diferenciados

Muita gente imagina que um coworking é só um escritório compartilhado, mas isso não é verdade.

Vários coworkings oferecem serviços diferenciados que ajudam o seu negócio a se tornar ainda mais interessante. Se você, por exemplo, é o único funcionário da sua empresa e às vezes precisa trabalhar em outro ambiente que não o coworking, o serviço de escritório virtual pode lhe ajudar.

Com ele, você terá um atendimento telefônico totalmente personalizado. Isso significa que quando os seus clientes ligarem para você, uma recepcionista atenderá com as suas instruções, recebendo seus recados, separando suas correspondências, entre outras ações.

Além dele, você ainda poderá optar por serviços de motoboy, impressão e muitos outros, com valores bem mais atrativos – e que ajudam a facilitar o seu dia a dia e a tornar a sua empresa mais eficiente.

Auxilia no seu aprendizado

Todo empreendedor sabe que conhecimento é poder, e que aprender coisas novas nunca é algo para ser desprezado. Em um espaço que favorece a troca de contatos e de experiências, é claro que o aprendizado é valorizado.

Aprender sobre outras áreas de conhecimento e com as experiências de outros profissionais pode ajudar você a melhorar o seu negócio e a se tornar ainda mais competitivo.

Já está convencido de que atuar em um coworking pode trazer inúmeras vantagens para o seu desenvolvimento profissional?

Acesse esse link e conheça nosso parceiro Rex coworking
Compartilhe:
Continue Lendo →

terça-feira, 9 de outubro de 2018

Aprenda Como Melhorar Suas Vendas com 4 Sacadas Infalíveis


Existem algumas sacadas que podem ajudar você quando o seu objetivo é aprender como melhorar as vendas do seu negócio. As dicas para impulsionar seus lucros são válidas independentemente de onde ocorra o processo — seja pela internet ou em meios físicos de venda.

As técnicas que você vai aprender podem ser aplicadas quando quiser, inclusive em momentos de crise. Entenda como deixar seu cliente mais disposto a realizar compras com as sacadas a seguir.

Conheça as bases de venda

Para vender um produto ou serviço é preciso desenvolver bem três aspectos que envolvem qualquer oferta: o produto, a apresentação e a distribuição. O produto é o que garante a sua oferta, por isso, deve apresentar boa qualidade. A apresentação consiste na forma como você comunica sua oferta para a audiência. Por fim, temos a distribuição que está diretamente relacionada à quantidade de pessoas que fica sabendo sobre o que é ofertado.

É preciso que estes três aspectos estejam alinhados para que a audiência sinta-se convidada a desfrutar dos produtos ou serviços. Funciona como a receita de um bolo. O produto é a massa, que precisa ser muito boa para ter sucesso. A apresentação faz o papel da cobertura, responsável por encantar os olhos do seu cliente. Já a distribuição está relacionada às pessoas para quem você oferece o bolo. Não adianta tentar oferecer um bolo para alérgicos ao glúten ou à lactose, por exemplo. É preciso oferecer o bolo para quem gosta e pode desfrutar daquele sabor.

Com as três variáveis trabalhando em sintonia fica muito mais fácil fechar qualquer negócio. Mas existem outras sacadas que vão ajudar você a aprender como melhorar as vendas.

Como melhorar as vendas com sua autoridade

Qualquer oferta ganha mais valor quando é disseminada por alguém que é considerado autoridade no assunto. Nós percebemos isso com frequência no no cotidiano. Você Já deve ter passado por alguma situação em que foi conselheiro, mas não foi levado a sério. No entanto, quando alguém de fora que tenha credibilidade no assunto dá o mesmo conselho, as pessoas ouvem e acatam.

Isso acontece por causa do gatilho da autoridade. Tendemos a acreditar em pessoas que consideramos mais sábias em um determinado assunto. Por isso, se você quer saber como melhorar as vendas, o primeiro passo é desenvolver sua autoridade no mercado em que atua. Comece estudando sobre o que é marketing de vendas e temáticas relacionadas para compartilhar informações com outros interessados.

Dê uma amostra do seu trabalho

Oferecer uma amostra do que a pessoa pode adquirir com o seu produto ou serviço é uma das formas mais eficientes de aumentar as vendas. Pois permite que o consumidor avalie e passe por uma experiência, além de estimular o desejo por mais do que foi provado.

Esta técnica funciona para qualquer produto ou serviço. Aplica-se ao setor alimentício, beleza e até serviços de informação. Um bom exemplo para este último segmento é disponibilizar alguns capítulos de livro ou guias digitais gratuitos. Lembre-se de que os conteúdos precisam ser criados com responsabilidade e qualidade. Assim fica mais fácil convencer as pessoas dos benefícios da sua oferta.

Não fale sobre o seu produto, fale sobre resultados

O foco das suas campanhas não deve ser as características isoladas do seu produto, mas os benefícios que elas podem proporcionar ao público-alvo. Ou seja, como o seu produto pode gerar impacto positivo na vida das pessoas. Por exemplo: se você vende um plano de emagrecimento, é mais fácil convencer os clientes apresentando os possíveis resultados do que apenas as características da dieta.

Prefira “o que você acha de emagrecer até 10kg em X dias” do que “ conheça uma dieta baseada na regulação de carboidratos que enxuga os quilos a mais”. Venda a transformação e não as características do produto.

Gostou das sacadas? Conta nos comentários sobre suas experiências de venda. Lembre-se que compartilhar conhecimento, além de ajudar outras pessoas, é abrir espaço para novos aprendizados!

Inscreva-se em nosso blog e fique por dentro de nossas novidades

Estamos constantemente produzindo conteúdo que pode ajudar na sua jornada empreendedora!!
Compartilhe:
Continue Lendo →

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

A importância do coworking para os negócios



Nesta importância do coworking para os negócios, o networking é um método de marketing de baixíssimo custo e muito eficaz para você desenvolver oportunidades e contatos de negócios.

O termo ‘networking’ pode até ser confundido com “redes de computadores”, que é uma terminologia diferente, relativa à ligação e acessibilidade de vários sistemas de computadores.

Mas o networking de negócios é um método de marketing – e muito mais que isso, claro.

Coworking para os negócios


Os empreendedores e empresários mais bem-sucedidos são aqueles que têm boas habilidades interpessoais, e que lhes permitem construir uma rede pessoal diversificada. Se você é um networker de carteirinha, é inerentemente entender que gerir uma empresa de sucesso é um esforço coletivo que requer interação com uma variedade de pessoas, como fornecedores, investidores, funcionários, clientes, concorrentes, e pessoas da mídia.

Networking


Quando você faz um bom networking, você sabe o que você pode obter, de quem e quando, em momentos específicos do seu negócio.

Você compartilha experiências, troca ideias e faz novos contatos com pessoas dentro e fora de seu campo. E essas interações o ajudam a descobrir novidades do mercado, novos processos e ainda resultar em oportunidades de parcerias futuras – essenciais para o crescimento do seu negócio.

É muito comum ouvir falar de networking quando se trata de marketing pessoal, mas nem todos pensam em estabelecer uma boa rede de convívio quando o assunto são as corporações.

Claro que o diálogo está sempre presente, entretanto só quem mantém uma constante comunicação e possui interesses partilhados consegue prevalecer no mercado.

A definição de coworking


A definição de coworking é simples: É a união de um grupo de pessoas que continuam trabalhando independentes umas das outras, porém compartilham valores e buscam a sinergia que acontece quando pessoas talentosas dividem o mesmo espaço, gerando um fluxo de troca de ideias em experiências.

Recentemente a Google inaugurou um espaço de Coworking em São Paulo. Trata-se de um espaço de utilização pública que concede a possibilidade de interação entre pessoas e startups que, para utilizá-lo, basta apenas que os interessados realizem um cadastro prévio.

Além disso, boa parte das pessoas que utilizam o Coworking em suas atividades profissionais são do ramo da tecnologia da informação sugerindo, portanto, que dadas as suas características profissionais, logo em breve contaremos com novos avanços e novidades agregadas a este conceito inicial de interação orientada aos negócios.

Vantagens que fazem com que o coworking seja ideal para seu negócio:

Redução de gastos

Abrir um negócio é um grande desafio e o orçamento inicial costuma ser bem limitado. Por isso, é preciso definir prioridades e economizar onde for possível. É por isso que muitos empreendedores acabam sendo multitarefa, trabalhando sozinhos até que o negócio tenha lucro suficiente para ter uma equipe completa.

Imagine o tempo necessário para ter um escritório completo? E muitas vezes nem é necessário ter um local fixo de trabalho.
Muitos membros de startups continuam trabalhando em casa, mas precisam de um espaço para encontros e reuniões profissionais. Com o coworking, você paga apenas pelo tempo utilizado sem perder a qualidade de um escritório completo.

Profissionalismo

Um dos fatores essenciais é ter credibilidade. Ao marcar reuniões com fornecedores, colaboradores e investidores em um coworking, você demonstra seriedade e profissionalismo, deixando claro que está liderando um negócio sério e confiável.

Além disso, é possível ter um plano que lhe permita utilizar o endereço do coworking como parte dos dados da sua empresa.

Assim, você evita misturar casa e trabalho.

Networking

Outra grande vantagem do coworking é ampliar a rede de contatos. Você pode conhecer novos colaboradores e parceiros. Essa troca de experiência e de informações é uma vantagem que você não teria trabalhando na sua startup apenas em casa.

Gestão de tempo

Quem trabalha em casa sabe o quanto é comum deixar o trabalho invadir os horários de descanso e consumidor domingos e madrugadas.

O coworking ajuda a evitar isso e “obriga” toda a equipe a trabalhar apenas em horário comercial.

Assim, você ganha qualidade de vida para todas as pessoas envolvidas na sua empresa. Essa é uma dica que aumenta a produtividade e gera melhores resultados.

Além disso, essa é uma excelente forma de fugir da procrastinação e focar apenas nas metas a cumprir.

Construindo a imagem da sua startup


Contar com um espaço de coworking ajuda a construir a imagem do seu negócio desde o começo. Assim, você posiciona a sua startup no mercado de forma profissional logo no primeiro dia.

Afinal, um negócio com aparência de amador dificilmente conseguirá investimentos e nem será levado a sério. Um endereço comercial e um espaço organizado mostrarão que a sua startup é liderada por pessoas com visão de mercado, atraindo mais clientes e dando garantia de sucesso para o seu sonho.

Além de todas essas vantagens, tem um porém muito positivo que se chama cocriação e as oportunidades de negócio. Cocriação é o termo que justifica a união entre pessoas de empresas distintas, cujo objetivo em comum é lançar no mercado um produto/serviço.

Essas pessoas podem ser clientes, fornecedores, ou num espaço de comunidade de negócio, profissionais que trabalham na mesa ao lado.

Vantagens da cocriação

  • Resultados mais inovadores: as pessoas que participam de um processo de criação possuem diferentes perspectivas e diferentes especializações. O resultado natural dessa interação de conhecimentos distintos é a realização de algo inovador e único.
  • Sentimento de corresponsabilidade: ao terem a oportunidade de criar um projeto em conjunto, os indivíduos se sentem mais responsáveis por ele, do que quando suas funções se restringem a cumprir prazos e metas individuais.
  • Soluções mais criativas: quando se trata de resolver um problema, a interação entre profissionais de diversas áreas pode ser extremamente vantajosa no quesito criatividade. A soma de conhecimento e perspectiva pode não apenas levar um problema à solução, como dar origem a uma inovação.

Uma das principais características dos espaços de coworking com perfil de comunidade de negócios é, justamente, expor a sua empresa à possibilidade de cocriar.

As comunidades de negócios permitem a interação com profissionais das mais diversas áreas, promovendo um rico ambiente para o compartilhamento e conexões de ideias.

O cafezinho da tarde pode se tornar uma fonte de inspiração capaz de mudar os rumos do seu negócio ou abrir a sua mente para novas oportunidades.

E você? Tens interesse em trabalhar em coworking? Acesse esse link e conheça nosso parceiro Rex coworking

E então, gostou do artigo? Deixe um comentário.
Compartilhe:
Continue Lendo →

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

10 melhores canais do Youtube sobre marketing digital e empreendedorismo


Talvez você deseja começar um negócio, fazer o seu empreendimento crescer ou mesmo melhorar seus conhecimentos em busca de uma carreira promissora e brilhante. Então este artigo é para você!

Separamos 10 incríveis canais do Youtube sobre marketing e empreendedorismo, para ajudá-lo a se conectar, a se aprimorar e então decolar!

Acompanhe até o final para descobrir alguns dos canais mais incríveis (e úteis) da internet!

Man in the arena

Videocast sobre empreendedorismo e cultura digital apresentado por Leo Kuba e Miguel Cavalcanti. O canal possui vários vídeos de entrevista com empreendedores de sucesso, que contam sobre sua trajetória, seus desafios e ainda dão dicas para aqueles que desejam trilhar os mesmos caminhos. Vale a pena conferir!

Arata Academy

Seitii Arata fundou a Arata Academy em 2007, prestando serviços de treinamento online para jovens empresários e profissionais que procuram alcançar resultados de excelência. Em seu canal, Seitii fala muito sobre produtividade, finanças e métodos de aprendizagem rápida. Os vídeos também têm um leve senso de humor, o que atrai ainda mais a nossa atenção!

Endeavor Brasil

Canal do Youtube da organização que busca multiplicar o número de empreendedores de alto crescimento e criar um ambiente de negócios melhor para o Brasil. Os vídeos buscam esclarecer dúvidas sobre Gestão, Marketing, Crescimento, Finanças e Planejamento Estratégico para empreendedores e startups, além de contar histórias inspiradoras de sucesso.

Geração de Valor

O Geração de Valor é um canal do Youtube fundado por Flávio Augusto, o criador da escola de inglês Wise Up, em 1995. Após 18 anos da fundação da escola, com 10 mil funcionários e presente em 6 países, a Wise Up foi vendida em uma das maiores transações brasileiras no setor de educação. No canal ele divide suas experiências, palestras e conversas com personalidades empreendedoras do Brasil.

Ignição Digital

Erico Rocha é fundador do Ignição Digital e um dos mais conhecidos empreendedores no nicho de produtos digitais. Ele é um dos grandes difusores do Fórmula de Lançamento e conseguiu resultados incríveis com ela. Em seu canal, ele busca postar vídeos que auxiliem os empreendedores que desejam fazer o seu negócio ser 100% online.

Caderninho da Bel

Bel Pesce é uma empreendedora de sucesso e também autora do livro “A Menina do Vale”. Em seu canal ela posta várias dicas oriundas de um caderno que ela afirma manter com insights sobre empreendedorismo, além de fazer um vlog sobre seu dia a dia como empreendedora.
O Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) dispensa apresentações. O canal no Youtube da instituição é um dos mais famosos sobre empreendedorismo no Brasil, e disponibiliza dicas para vários nichos de mercado, além de trazer entrevistas muito interessantes.

Mundo do Marketing

O nome desse canal é bem descritivo em relação aos assuntos abordados nele. Através de cases, reportagens e entrevistas, o canal mostra os destaques da semana, acompanha eventos e traz reflexões muito interessantes de especialistas na área.

Bruno Picinini

Bruno Picinini é daqueles que larga tudo para viver seu sonho, e em 2010 ele largou seu emprego para poder viajar pelo mundo e trabalhar de onde quiser como empreendedor digital. Em seu canal ele dá dicas de marketing, desenvolvimento pessoal, empreendedorismo digital, produtividade, além de realizar vários estudos de caso com empreendedores que deram certo no mercado.

Empreendedor do Zero

E para quem sonha em ser empreendedor ou começou recentemente a criar seu próprio negócio, o canal do Youtube Empreendedor do Zero pode ajudar. São compartilhadas informações, experiências e histórias de sucesso no empreendedorismo.

Se você também acessa esses canais ou conhece outros imperdíveis, conte para nós nos comentários!

Inscreva-se em nosso blog e fique por dentro de nossas novidades

Estamos constantemente produzindo conteúdo que pode ajudar na sua jornada empreendedora!!
Compartilhe:
Continue Lendo →

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Como vender no Instagram utilizando o novo recurso da rede social




O Instagram é uma rede social que surgiu em 2010, para compartilhamento de fotos e vídeos. O aplicativo se tornou muito popular no mundo inteiro e ainda mais, no Brasil: o país tem a segunda maior base de usuários ativos – 50 milhões (são 800 milhões no mundo todo). Com seu forte e acelerado crescimento, se apresentando como a rede social mais promissora do momento, a empresa foi comprada pelo Facebook em 2012, por cerca de 1 bilhão de dólares.

É lógico que a mídia social se tornou mais um forte canal de marketing para as empresas, que já conta com 15 milhões de perfis comerciais e 2 milhões de anunciantes no mundo todo. Esses números foram impulsionados quando o Instagram passou introduzir anúncios no feed de publicações e stories dos usuários. De acordo com a organização, o número de usuários que chegaram até um negócio através da rede chega a 180 milhões, e 80% dos usuários seguem um perfil comercial.

Se havia ainda lojas virtuais com dúvidas se valia a pena investir no Instagram, chegou a hora de se render, pois a empresa lançou uma nova ferramenta: agora, é possível vender seus produtos através da rede social.

Mas calma lá! Não se trata de um marketplace. A rede social ainda não está processando compras dentro de seu próprio ambiente. Trata-se de um novo recurso que permite que você adicione preços e outras informações nas fotos de seus produtos, além de um link para direcionar o usuário a compra em sua loja virtual. O que é muito melhor!

Antes disso, o usuário que se interessasse por seu produto, precisava sair da rede social para procurar mais informações em seu site. Não era possível encaminhá-lo diretamente à página do item.

Como funciona o novo recurso?

O recurso permite publicar fotos e inserir etiquetas de preços sobre os itens que estão à venda (semelhante ao processo de marcação de usuários). As fotos que com produtos à venda contém uma sacolinha de compras no canto superior direito. O usuário precisa tocar uma vez sobre a imagem para visualizar o preço. Ao tocar na etiqueta, serão exibidas as informações sobre o produto, ainda no ambiente do Instagram.

Clicando no link para comprar, então, o usuário é direcionado para o site de e-commerce da loja, onde se realiza o processo de cadastro e de compra normalmente. A rede social não possui nenhum controle ou influência sobre o processo de venda e nem recebe comissões.

Como habilitar o recurso de vendas no Instagram?

• Conforme o Instagram, toda conta comercial já pode utilizar o recurso;

• Para ativar a função, crie ao menos 9 publicações com esta função;

• Você tem a opção de publicar fotos simples e carrossel de imagens, aproveite ambas;

• Poste fotos que contenham diversos produtos, pois ajuda a aumentar o engajamento;

• Tenha cuidado para garantir que cada marcação corresponda ao produto correto;

• Aposte também na utilização dos “Stories” para anunciar e se aproximar de mais usuários.

Inscreva-se em nosso blog e fique por dentro de nossas novidades

Estamos constantemente produzindo conteúdo que pode ajudar na sua jornada empreendedora!!
Compartilhe:
Continue Lendo →

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

4 ferramentas indispensáveis para sua estratégia de marketing digital


Embora existam muitas estratégias e oportunidades diferentes no marketing digital, um mercado enorme se abriu para as vendas e ferramentas de marketing. Milhares de empresas criaram ferramentas proprietárias para ajudar seus clientes a agilizar e simplificar o processo de comercialização e venda de seus próprios produtos.

Infelizmente, o resultado é um mercado saturado, onde empresas são forçadas a analisar muito bem qualquer ferramenta antes de decidir adotá-la. Mas a lista de algumas das melhores ferramentas de vendas e marketing que vale a pena considerar neste ano a seguir pode ajudar.

1. Facebook Mentions

Em nossa era da mídia social, quando milhões de mensagens estão sendo enviadas no ciberespaço a cada dia, é importante que as empresas tenham um método adequado para ouvir o que as pessoas estão dizendo sobre elas. O Facebook Mentions é esse método. Com o Mentions, você pode acompanhar frases-chave e nomes de marca em tempo real, para que esteja sempre por dentro do que as pessoas estão dizendo sobre você. Assim, você sabe como ter conversas significativas com as perspectivas de vendas e leads.

2. GrowthList

Se você é um negócio B2B que depende de ter um fluxo consistente de perspectivas de vendas na ponta dos dedos, você pode achar a GrowthList útil. Tida como uma ferramenta de vendas para startups, a GrowthList é muito útil para as pequenas e médias empresas, também. Possui um amplo banco de dados de mais de 5.000 empresas de tecnologia B2B que estão atualmente em fase de crescimento, juntamente com detalhes pertinentes sobre elas. Ligue-a em seu funil de vendas, e comece a utilizar.

3. Reply

A Reply ajuda as empresas a automatizar suas comunicações com as perspectivas que estão no início do funil de vendas sem fazer as coisas parecerem impessoais ou irrelevantes. Se você está enviando uma sequência de e-mails ou à procura de análises em profundidade, a resposta é uma ferramenta versátil que adiciona muito valor para qualquer equipe de vendas.

4. Google Analytics

Se você ainda não começou a usar o Google Analytics, então você está perdendo uma grande oportunidade de entender quem é seu público e como se conectar com seus membros. Desde medir o desempenho do site até rastrear metas de conversão para aprender sobre a demografia do seu mercado-alvo, o Google Analytics é a ferramenta poderosa, que faz tudo.

Como um empresário com aspirações para o crescimento da sua empresa, você não pode se dar ao luxo de desperdiçar seu tempo brincando com ferramentas e recursos que não impulsionam o seu negócio para a frente.

Inscreva-se em nosso blog e fique por dentro de nossas novidades

Estamos constantemente produzindo conteúdo que pode ajudar na sua jornada empreendedora!!
Compartilhe:
Continue Lendo →